19/09/2017

7 erros para a saúde do Cabelo



O cabelo é um complemento da nossa imagem, e por isso, para manter um cabelo brilhante e sedoso é preciso ter os cuidados necessários, sendo também uma questão de saúde.


  1. Desvalorizar a queda de cabelo
    É um fator de grande preocupação para homens e mulheres. A queda de cabelo, afeta a auto-estima e o bem-estar.
  2. Não ter uma alimentação cuidada
    Um cabelo forte e brilhante também depende de um bom comportamento alimentar. Alimentos ricos em ómega 3 (como o salmão) ajudam no crescimento capilar e no fortalecimento do couro cabeludo. A biotina (presente nos ovos e nas lentilhas) ajuda o cabelo a crescer mais forte e saudável, evitando assim a sua queda. Os carotenos da cenoura são nutrientes úteis na prevenção da caspa e da queda de cabelo. Beber água é fundamental para hidratar o cabelo a nível da sua estrutura interna.

  3. Fumar e beber álcool
    Estudos comprovam que fumar 20 ou mais cigarros por dia aumenta a probabilidade de calvície. E a excessiva ingestão de álcool reduz a absorção intestinal de zinco, vitaminas do complexo B, vitamina C e ácido fólico, afetando o desenvolvimento capilar e contribui para a queda de cabelo.

  4. Não passar o cabelo por água antes de entrar na piscina
    É recomendado passar o corpo (e o cabelo) por água antes de entrar na piscina. Vai ajudar que o cabelo absorva menos água da piscina, ficando menos suscetível à ação das suas substâncias pouco simpáticas.
  5. Não usar chapéu
    O chapéu é útil para proteger o excesso dos raios UV e sendo aconselhável o uso de produtos hidratantes para os fios, quando os expõe aos raios solares.
  6. O uso de elásticos todos os dias
    Os elásticos tornam o cabelo mais suscetível à queda, pelo puxa-estica que promovem. Tenha cuidado com o uso excessivo e desadequado do elástico e escova.

  7. Usar champô e amaciador à pressa
    O cabelo precisa de produtos específicos e adequados, mas o tempo de atuação também conta, deixe atuar pelo menos 3 minutos, principalmente o amaciador.


0 comentários :

Enviar um comentário